• Document: Simpósio Brasileiro de Solos Arenosos. Características Gerais da Fertilidade dos Solos Arenosos no Brasil
  • Size: 4.02 MB
  • Uploaded: 2019-04-16 11:22:37
  • Status: Successfully converted


Some snippets from your converted document:

Simpósio Brasileiro de Solos Arenosos Características Gerais da Fertilidade dos Solos Arenosos no Brasil Presidente Prudente 2014 José Ronaldo de Macedo Embrapa Solos jose.ronaldo@embrapa.br www.embrapa.br/cnps Projetos Líder / Coordenador Solos Frágeis Daniel Vidal Pérez (José Ronaldo de Macedo e Luis Carlos Hernani) Rede FertBrasil José Carlos Polidoro Projeto Aduba Brasil José Carlos Polidoro e Paulo César Teixeira Solos Arenosos Compactados Ademir Fontana Fertilidade do Solos - LEM Flávia Cristina dos Santos Tecnoshow COMIGO 2009 Vinícius Benites Áreas de Estudo Projeto Solos Frágeis PE (Petrolina) Oeste da BA (Luiz E. Magalhães) Sudoeste de GO (Mineiros) Oeste de SP (Botucatu) Área de Estudo Riachão das Neves Barreiras São Desidério LEM Correntina Rede FertBrasil Definição dos ‘’Solos Arenosos’’ ‘’Solos de textura leve’’: composição granulométrica nas classes texturais areia, areia franca ou franco-arenosa. Ocorrência  Representam áreas expressivas no Cerrado e na Caatinga;  Localizam-se em paisagens com relevo variando plano a suave ondulado;  Normalmente ocupando as chapadas e depressões.  Argissolos, Latossolos, Planossolos Neossolos (Quartzarêmicos, Regoliticos e Litólicos) e Cambissolos. Fragilidade Os solos arenosos são caracterizados frágeis devido às suas características intrínsecas: textura arenosa, baixa disponibilidade de nutrientes, alta drenabilidade, reação ácida e estrutura em grãos simples (Albuquerque et al., 2011) São frágeis estruturalmente, de baixa fertilidade e com reduzida C.R.A. São solos com alta suscetibilidade à erosão e de baixa capacidade de uso. Apresentam, naturalmente, severas limitações físicas, químicas e hídricas para as plantas cultivadas. Quando bem manejados, com práticas conservacionistas adequadas e sustentáveis, podem se tornar produtivos e economicamente viáveis (SBSA, 2014). Caracterização da fertilidade natural dos solos arenosos •Elevada acidez natural, •P.C.Z. em pH elevado, argilas de atividades baixas, Caolinita; •Baixos teores de MOS •Baixos teores de Ca e Mg; •altos teores de Al, Fe e Mn solúveis em água; •Baixa CTC (< 4,0 cmolc/dm3). 5000 4500 37% 4000 33% 3500 Solos 3000 arenosos 2500 No of obs 2000 13% 13% 1500 1000 500 3% 1% 0 0% 2 4 6 8 10 12 Capacidade de troca catiônica, cmolc dm-3 Tecnoshow Comigo, 2009 Fonte: Vinicius Benites Perfis Completos Neossolos Quartzarênicos Órticos típicos A moderado Vegetação rala Perfil profundo Neossolos Quartzarênicos Órticos latossólicos A moderado Limite 15% argila Vegetação rala Perfil profundo Latossolos Vermelho-Amarelos ou Amarelos Distróficos psamíticos textura arenosa / média A moderado Vegetação rala Perfil profundo Neossolo Quartzarênico órtico típico Petrolina - PE Vegetação de Caatinga hiperxerófila Potencial Produtivo  Solos ideais no que se refere a trabalhabilidade: textura + relevo e ausência de pedregosidade ou rochosidade.  Região oeste da Bahia, noroeste, norte e nordeste do Tocantins, noroeste de Minas Gerais, sudoeste de Goiás, sul do Piauí e do Maranhão, nordeste do Pará e diversas regiões do Mato Grosso e

Recently converted files (publicly available):