• Document: Origens Medievais do Estado Moderno e seus Teóricos
  • Size: 843.25 KB
  • Uploaded: 2019-05-17 12:54:03
  • Status: Successfully converted


Some snippets from your converted document:

Origens Medievais do Estado Moderno e seus Teóricos “Deus faz o rei, o Rei faz a lei” Prof. Alan Carlos Ghedini A Crise do Sistema Feudal  Na Baixa Idade Média o feudalismo entra em sua mais séria crise.  A medida em que os feudos iam enfraquecendo, os senhores feudais também perdiam poder.  Os antigos tributos feudais começava, a dar lugar a uma nova organização social e econômica na Europa Ocidental. Guerra, Peste e Fome  A Crisede Retração, na economia europeia, no século XIV teve como razões: Guerras: “dos 100 anos”, Jacqueries Peste Negra ou Bubônica, transmitida pela pulga do rato infectado. As péssimas condições de higiene na Europa, foram fundamentais para a proliferação da Peste e outras doenças. Fome: desequilíbrio climático, levou a uma sére crise alimentícia no continente. Crise de Desenvolvimento – Séc XV  No século XV, ainda em decorrência da crise do séc. XIV e do decréscimo populacional: ◦ Queda no Mercado Consumidor  Estimularia à busca por novos mercados consumidores (Grandes Navegações) ◦ A Expansão marítima-comercial foi fundamental para uma profunda alteração da economia europeia. No final do feudalismo, o Rei  O poder descentralizado do regime feudal assiste a uma centralização ◦ Poder dos Senhores Feudais diminui  Poder do Rei aumenta A Aliança  Coroa e Burguesia formam uma aliança. ◦ Burguesia de fortalece ◦ Monopoliza-se o uso da Força ◦ Unifica-se território, moeda, pesos e medidas O caso Francês  Felipe IV o Belo, entra em conflito com a poderosa Ordem Templária  Os Templários acumulavam grande prestígio, riqueza e poder. ◦ Os templários prestavam obediência apenas ao Papa.  Bonifácio VIII O Rei contra o Papa  No conflito entre Felipe IV e o Papa, a sede da Igreja foi levada a Avignon  O conflito foi tão grave que Bonifácio VIII excomungou Felipe. ◦ Novamente estabelecia-se um conflito entre o poder temporal, e o poder espiritual. O Cativeiro de Avignon ou Cisma do Ocidente Nesse momento, a Igreja chegou a ter TRÊS papas de uma só vez! As Dinastias Francesas  Dinastia Capetíngia (987)  Monarquia nacional se inicia com Filipe Augusto  Tropas assalariadas  Filipe, o Belo parte para reforçar o caixa do Estado Francês  Forçou a escolha do novo papa como Clemente V  Dinastia de Valois  Guerra dos 100 anos Guerra dos 100 anos  Instabilidades iniciais: ◦ Revoltas camponesas na França – as Jacqueries  A Guerra: ◦ Um conflito pelo trono francês com a Inglaterra ◦ O Rei Inglês, Eduardo III, dizia ser herdeiro dos capetíngios franceses, porém pela via feminina.  Por isso, pela lei sálica, não poderia ocupar o trono. O Processo da Guerra  Os nobres de França que não aceitaram e aclamaram uma nova dinastia, Valois. ◦ Felipe VI de Valois (sobrinho de Felipe, o belo)  Na Guerra dos 100 anos (1337 – 1453), emerge a figura de Joana d´Arc que recebeu o comando militar de Carlos VII, coroado depois em Reims  Joana d´Arc foi queimada viva pelos ingleses, em 1231, sob acusação de feitiçaria e heresia. Joana D´Arc O Caso da Inglaterra  Henrique II (1154 – 1189) governou de forma firme impondo-se aos barões ingleses. ◦ Tentou controlar a Igreja na Inglaterra  Ricardo Coração de Leão (1189 – 1199), participou da 3ª Cruzada, morrendo num combate em retorno à Inglaterra. ◦ Em seu lugar assume João Sem Terra (1199 – 1216), inábil e autoritário, se indispôs com os barões  Teve de assinar a Magna Carta em 1215 A Magna Carta (1215)  Uma primeira tentativa de limitar os poderes do Rei.  Ela determinava que: ◦ Rei ficava proibido de criar impostos sem consentimento do Grande Conselho do Reino.  Henrique III (1216 – 1272), filho de João Sem Terra recusou-se a obedecer a Magna Carta. ◦ Os nobres rebelaram-se e criaram o Parlamento, impondo ao Rei as Provisões de Oxford (1258) As Câmaras na Inglaterra  A Inglaterra caminhava, aos poucos para uma monarquia limitada.  O Parlamento, em 1350, tornava-se bicameral ◦ Câmara dos Lordes – Alto clero e alta nobreza  Vitalícia e Hereditária ◦ Câmara dos Comuns – Cavaleiros e burgueses  Eletiva Guerra das Duas Roas  Duas casas lutam pelo trono inglês: YORK LANCASTER No final, os Tudor  Ao final, uma terceira casa, os Tudor, aparece como uma alternativa negocia

Recently converted files (publicly available):